Debate Motor #69 analisa: Qual é a melhor solução para os motores da F1?

0

Os motores quase sempre são um ponto de discórdia nas discussões sobre a atual situação da F1. Desde que as controversas unidades de potência V6 turbo híbridas foram adotadas, em 2014, muitos consideram que a categoria ficou descaracterizada, especialmente pela falta do estridente ruído dos carros de antigamente.

Por outro lado, a tecnologia adotada, baseada na recuperação de energia, é condizente com o caminho que o setor automotivo tomou nos últimos anos. O que é melhor, então, para a F1: priorizar o espetáculo e a tradição ou caminhar em direção às melhores tecnologias?

Acompanhe o PROJETO MOTOR na redes sociais: Twitter | Facebook | YouTube

Essa é uma dúvida que a própria F1 tem. Na última sexta-feira, 31 de março, os chefes da categoria se reuniram para decidir qual será o próximo regulamento de motores, que será adotado a partir de 2021. Ainda não foram definidos os detalhes, mas já se sabe que a ideia é utilizar unidades mais baratas e mais barulhentas.

E então, o que a F1 deveria fazer? É o assunto do Debate Motor #69. A equipe do Projeto Motor recebe o convidado Juliano Barata, editor-chefe dos parceiros do FlatOut, para analisar a questão.

 

 Comunicar Erro

Projeto Motor