Debate Motor #90: Schumacher tem o devido reconhecimento no mundo da F1?

5

O nome de Michael Schumacher voltou a ser falado nos últimos dias. Primeiro porque sua vitória de número um na F1, no GP da Bélgica de 1992, completou 25 anos de idade na última quarta-feira (30); segundo porque seu recorde de pole positions, 68, foi recentemente igualado por Lewis Hamilton.

Acompanhe o PROJETO MOTOR na redes sociais: Twitter | Facebook | YouTube

Mais de uma década depois de sua última vitória na F1, a figura do heptacampeão ainda gera controvérsia. Há quem considere que a qualidade do alemão não faz jus aos seus números. Já outros até reconhecem seu talento, mas considera que seus lances polêmicos ao volante mancham sua reputação.

Michael Schumacher, o maior recordista da F1 em vitórias e títulos, tem o reconhecimento que merece no mundo do automobilismo? É o que será discutido no Debate Motor #90. Assista ao programa e deixe seu comentário e sugestão para as próximas edições

 Comunicar Erro

Projeto Motor

Automobilismo além da notícia!

  • Paulo Santana

    Schumacher é um dos maiores motivadores de equipe que a F1 já teve, onde ele vai os engenheiros, mecânicos se tornam produtivos, pois ele é muito trabalhador, foi o que aconteceu com a Benetton ele em 2,5 anos tornou este carro competitivo, a mesma coisa ocorreu com a Ferrari que demorou 3 anos para ser um carro imbatível. O ponto negativo dele foi voltar em 2010 e ser “humilhado” pelo companheiro Rosberg, mas em compensação a Mercedes ficou competitiva em 3 anos, graças a seus pedidos de contratação…que foram atendidos por Ross Brawn.

  • Gabriel Pena Catabriga

    Cara, não sei responder essa pergunta. Há sempre uns hiatos na carreira do Schumacher, e se Senna tivesse saído ileso daquele acidente em Imola? Será que Schumacher seria isso tudo em números? E se a Ferrari deixasse Barrichelo correr livremente contra Schumacher, será que ele conquistaria os 5 títulos seguidos, ou o Brasil teria mais um campeão? Existem boatos que havia cópia de acerto do carro do Rubinho para o carro do Schumacher.

    Talento o alemão tinha, agora o quanto mensurável pode ser, alguns fatos e boatos colocam em dúvida, talvez por isso, mesmo dominando todos os números na F-1, ele não desponte como o maior de todos os tempos, mas faz parte do top 10 em minha lista.

  • Gab

    Ele fez muita coisa duvidável, como o lances com Hill e Villeneuve, mas isso daí são desvios de conduta que os pilotos em maioria possuem. Hamilton teve os seus, Vettel também, e por aí vai. Creio que uma parte da imprensa guarde rancor por conta do que houve em 1994, e por conta da parceria com Rubinho. Agora independente das pessoas gostarem ou não dele, é incontestável que ele foi o melhor de sua geração. Ele venceu corridas na base de estratégias insanas, na base de manobras limpas e insanas, e tinha um “feeling” enorme para ajustar seus carros. Geralmente os multicampeões não são admirados pela maioria. Schumacher foi assim, Senna foi assim e hoje em dia Vettel e Hamilton são mais odiados do que amados pela turma que acompanha o automobilismo. E as homenagens são justas, pois se há o que há hoje, grande parte se deve ao que houve no passado.

    • VolksLove

      Fora que não tinha ninguém melhor que ele em voltas banzai na corrida.

  • 6-3-3

    Na europa não sei como ele é visto mas no brasil muita gente gosta de dar uma cutucada qdo se fala dele, muito disso talvez por ter sido campeao no ano que o Senna sofreu aquele acidente, aí sempre falam
    ” se nao fosse por isso ele nao seria campeao”
    Tem polemicas batidas e tentativas, com o D Hill, J Vileneuve, tem os anos que fez o que quiz com o Barrichelo, ou seja muitas coisas no curriculo, mas uma pergunta que fica e a seguinte, existe no esporte algum multicampeao que nao seja polemico? Ou que nao usou tudo que podia pra vencer?